Quatis na Floresta da Tijuca


Depois de muito tempo sem visitar a floresta da tijuca, apesar de morar bem perto, essa semana fui dar uma caminhada por lá. Confesso que queria muito ver aves e mamíferos, mas estava quase desistindo desses últimos quando derrepente na altura do restaurante Esquilos vi um rabinho anelado fofinho. Para nao ficar empolgada e depois me decepcionar fui a caminho dizendo a mim mesma e a minha acompanhante que devia ser apenas um gatinho. Quando chegamos perto aquela fucinha fofinha, aquelas garras, aquele pêlo, a cauda, era um quati! Assim que o vi lembrei muito de um tamanduá por que o focinho é bem comprido, masss não era. Bom não preciso nem dizer que todas as atenções e fotografias foram para o bichinho que até chegou a cheirar minha mão, reparei que ele estava bem acostumado com humanos. Depois ele saiu correndo e foi subir numa arvóre, eu e minha acompanhante já estavamos indo atras daquele único espécime raro até que viramos e vemos uns 10 quatis atrás de nós! rss É...ele não era tão especial assim, hehe, brincadeira, todos eram lindos, tinham machos, fêmeas e infelizmente só um filhotinho e estavam todos aproveitando as lixeiras do restaurante! Fiquei impressionada, tão bonitinhos e catando lixo, não dava nem mais vontade de passar a mão.
Apesar de para mim eles parecerem bem com os tamanduás mirins pertencentes a ordem pilosa, eles são primos dos guaxinins, todos pertencentes a família Procyonidae da ordem carnívora. Beeemmm diferentes! Mesmo pertencendo a ordem carnívora eles não são exclusivamente carnívoros, são mais onívoros, comendo carnes, insetos, minhocas, frutas, ovos e legumes.
Com a grande visitação nos finais de semanas na floresta, muitas pessoas alimentam esses animaizinhos, e eles estão virando uma superpopulação pois com a grande oferta de comida a consequencia é mais reprodução e mais filhotes. Não podemos nos esquecer que dia de semana eles também comem, e acabam fazendo um forte impacto de predação em outros organismos que são essenciais para o ecossistema, como ovos de aves que são grandes polinizadores naturais da floresta por exemplo. Para piorar eles não sofrem nenhum tipo de predação pois não tem um predador natural na floresta, pelo menos não mais.
Quando vemos quatis, micos, pacas, capivaras qualquer animalzinho fofinho que queremos uma foto ou abraçar um pouquinho sempre damos um pouco de comida sem pensar no enorme impacto que estamos causando naquele ambiente e o que isso vai causar em todas as espécies que são predadas por esses bichos, assim como também seus predadores, caso existissem no caso dos quatis, também iriam aumentar em número. Mas isso é uma conscientização muito profunda que se tem de fazer em toda população. Ninguém liga das aranhas e minhocas morrerem para os fofinhos quatis continuarem felizes, mas a maioria não sabe da imensa importância que cada animal e planta tem em toda a floresta.

posted under |

4 comentários:

Anônimo disse...

Muito fofinhos, rs.

Anônimo disse...

Elels são muito bonitos, mas se der a comida pra um em um bando eles correm pra cima de vc....

Uouo Uo disse...


thank you

سعودي اوتو

Uouo Uo disse...



thx

كشف تسربات المياة
غسيل خزانات
شركة نظافة عامة

Postar um comentário

Postagem mais antiga Página inicial

Followers